FASETE - Faculdade de Sete de Setembro

Revista Rios Eletrônica

Revista Eletrônica da Faculda Sete de Setembro - FASETE
ISSN 1982-055


Edição 2018

PERFIL NA MORTALIDADE DO INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO POR IDADE E SEXO NO MUNICÍPIO DE PAULO AFONSO NO ESTADO DA BAHIA

Aristotelys Euden Ferraz Lima / Laiza Dantas Lima / Thawanne Katurry Siqueira Sandes / Josafá Fernandes Oliveira Neto / Kirley Michelly Marques da Silva / Rafaell Batista Pereira

RESUMO

O estudo objetivou analisar de forma quantitativa os potenciais fatores de risco não modificáveis para a mortalidade por infarto agudo do miocárdio, como faixa etária, sexo, e a relação entre sexo e faixa etária combinados, na cidade de Paulo Afonso no estado da Bahia. Trata se de um estudo quantitativo, observacional e descritivo em um grupo de pacientes que foram a óbito por IAM, foram realizados cálculos para as estimativas de óbitos com base na taxa bruta, especifica e ajustada de mortalidade, com dados coletados segundo o Departamento de Informática do Sistema Único de saúde do Brasil. Os resultados encontrados apontaram maior média da taxa de mortalidade para o grupo masculino em relação ao feminino, e no grupo masculino por faixa etária houve mortalidade menor de forma significativa entre 30 a 39 anos em relação às faixas de 6 0, 7 0 e 80 anos, e para o grupo de 40 anos em comparação aos grupos de 7 0 e 80 anos também obteve menor mortalidade. No grupo etário feminino e ambos os sexos houve diferença significativa e menor de mortalidade para o grupo de 40 anos comparado aos de 6 0, 7 0 e 80 anos, e também menor mortalidade no grupo com 5 0 anos em relação aos grupos de 7 0 e 80 anos. Conclui se que o grupo masculino demonstra maior mortalidade por IAM, bem como idades mais avançadas e que programas de saúde poderiam ser desenvolvidos para a prevenção e redução destes óbitos.

PALAVRAS-CHAVE: Infarto agudo do miocárdio. Fatores de risco. Mortalidade. Epidemiologia.

ABSTRACT

The objective of this study was to quantify the potential non-modifiable risk factors for acute myocardial infarction mortality, such as age, gender, and the relation between gender and age group, in the city of Paulo Afonso in the state of Bahia. This is a descriptive, quantitative and observational study in a group of patients who died of AMI. Calculations were made for estimates of deaths based on the crude rate, specific and adjusted mortality rate, with data collected according to the Department of Informatics of the Brazilian Unified Health System. The results showed a higher average mortality rate for the male group in relation to the female group, and in the male group by age group there was a significantly lower mortality rate between 30 and 39 years in relation to the 6 0, 7 0 and 80 years, and for the group of 40 years in comparison to the groups of 7 0 and 80 years also obtained lower mortality. The conclusion is, the male group demonstrates higher mortality due to AMI, as well as more advanced ages and that health programs could be developed for the prevention and reduction of these deaths.

KEYWORDS: Acute myocardial. Infarction. Risk factors. Mortality. Epidemiology.

PDF


Conteúdo da revista

Pesquisa

Indexadores

  • Capes!
  • Capes!
  • Scopus
  • WoS
  • Scielo
  • BVS

Organização Sete de Setembro de Cultura e Ensino LTDA
Rua Vereador José Moreira nº 1000 - Perpétuo Socorro - CEP: 48603-004 - Fone/Fax: (75) 3501-0777 - Paulo Afonso - Bahia - Brasil